Berlim x Airbnb
3 de maio de 2016
O Carnaval de Berlim
12 de maio de 2016
Exibir Tudo

Tempelhof: O Aeroporto Nazista

Às duas da tarde de um belo domingo de primavera, com o tempo começando a melhorar após os intermináveis meses de frio, o enorme descampado do antigo aeroporto de Tempelhof está tomado pela população de Berlim.

2016_05_08 Tempelhof 3

Boa parte dos berlinenses – e também dos turistas que começam a fervilhar pela cidade – se reúnem nos gramados nos entornos das pistas desativadas e passam o dia descontraídos, ouvindo músicas e lendo livros. Muitos praticam esportes diversos, como ciclismo, patinação e skate. Mas o que mais gostam de fazer nesses dias é tomar cerveja e fazer churrasco.

Isso mesmo! Você não leu errado, os alemães são bastante adeptos do churrasco ao ar livre que, apesar de não ser parecido com o brasileiro, é bastante gostoso! E como em todos os parques da cidade, é proibido fazer churrasco em qualquer lugar. Para isso, existem áreas específicas designadas, chamadas de Grillplatz. As pessoas que foram pegas fazendo churrasco fora das áreas permitidas podem inclusive levar multas.

 

O aeroporto de Tempelhof (Flughafen Berlin-Tempelhof) é um ícone na história não só de Berlim como também de toda a Europa do período pré-guerras. Situado na parte centro-sul da cidade, o aeroporto foi construído em 1927 e ficou mundialmente famoso por conta de sua monumental arquitetura, inovadora para a época.

Durante o bloqueio à Berlim ocidental, entre 1948 e 1949, o aeroporto era o ponto de pousos e decolagens para os aviões que forneceram os mantimentos à cidade, período que ficou conhecido como a Ponte Aérea de Berlim (Berliner Luftbrücke).

2016_05_08 Tempelhof 1

Hoje o Tempelhof, que teve suas operações finalizadas em outubro de 2008, é amplamente utilizado como área de recreação, prática de esportes e, mais atualmente, tem parte de suas instalações como abrigo de emergência aos refugiados das guerras do Oriente-médio. Sua história é tão representativa para a cidade e o povo berlinense que, no mesmo ano de 2008, houve um referendo para decidir se o espaço deveria ser fechado ao público, que acabou por não se concretizar.

Você que estará em Berlim durante os próximos meses, não deixe de conferir pessoalmente esse evento tão tradicional na cultura daqui. As três entradas para o parque estão abertas do amanhecer ao entardecer do dia, variando de acordo com a época do ano. Para chegar ao Tempelhof, pode-se utilizar os seguintes acessos:

Columbiadamm (Südstern – U7) | Oderstraße (Leinestraße – U8) | Tempelhofer Damm (Tempelhof Berlin – U6 / S41, S42, S45, S46).

2 Comments

  1. Rodrigo disse:

    Excelente dica! Vou conferir no próximo fim de semana! 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.